Categorias: Dicas e Sugestões

Como funciona o Simulador de Financiamento

Saiba como funciona o Simulador de Financiamento

Muitos brasileiros buscam ter a casa própria, sabem que existem os bancos que financiam imóveis, mas não sabem por onde começar, qual o valor que pode ser financiado, as taxas de juros e prazos, por exemplo.

Para facilitar, existe o Simulador de Financiamento que funciona como um sistema de análise onde verifica as taxas de juros, prazo que será pago o financiamento, valores (quantia) e alguns dados pessoais. Por esse motivo, antes de fechar qualquer financiamento com algum banco credor é recomendável que utilize o Simulador de Financiamento, pois esse “sistema” é útil para que o comprador possa escolher qual banco apresenta mais vantagens, juros mais baixos e condições para pagamento.

Fazer pesquisas para comparar preços entre os bancos pode ajudar muitos brasileiros a economizar um bom dinheiro e utilizar o Simulador de Financiamento pode ser feita de uma maneira rápida e prática, pois muitos bancos oferecem a simulação online.

Para verificar a simulação de um financiamento imobiliário online é preciso informar alguns dados que o site solicita, veja o que pode ser solicitado pelo banco:

  • Tipo de Pessoa (Física ou Jurídica);
  • O tipo do financiamento (Imóvel residencial ou comercial);
  • A categoria do imóvel (novo ou usado);
  • Valor do imóvel;
  • O valor da entrada;
  • Em que estado e cidade está localizado o imóvel;
  • CPF do comprador;
  • Receita familiar mensal;
  • Data de nascimento do comprador;
  • Se utilizará o recurso do FGTS (em caso de imóveis residenciais);
  • Qual o sistema de amortização (SAC ou Tabela Price).

A partir do momento que essas informações são inseridas no simulador online, o banco credor do financiamento disponibiliza os resultados para o comprador:

  • Prazo máximo para pagar o financiamento;
  • Cota máxima do financiamento;
  • Qual o valor de entrada necessário;
  • Qual o valor financiado;
  • Qual o sistema de amortização utilizado.

Observação: Vale lembrar que as informações alteram de banco para banco.

É interessante o comprador saber em detalhes como funcionará o financiamento, afinal para se sentir seguro e tranquilo o comprador tem que saber exatamente o que está fazendo, pois existem também os custos adicionais dentro do financiamento, como por exemplo, custos de registros de contrato, ITBI, que também devem ser analisados pelo comprador, visto que esses custos influenciam diretamente no valor total do financiamento podendo deixar o financiamento mais caro ou mais barato.

Pesquise, utilize todos os recursos disponíveis para conseguir realizar o seu sonho de ter o imóvel próprio e boa sorte!

Compartilhe em sua rede social!

Vinícius Miranda

Vinicius Miranda

Estuda na instituição de ensino Universidade Nove de Julho, autor de textos e artigos para os sites Clube DETRAN, vocênoenem e i50.

Deixe um comentário

Posts Recentes

Conheça o programa Casa Verde e Amarela

Conheça o programa que irá substituir o Minha Casa Minha Vida. Além das condições diferenciadas… Leia mais

3 semanas atrás

Governo vai pagar 4ª parcela do Auxílio Emergencial

Foi confirmado pelo Presidente Jair Bolsonaro, o pagamento da 4ª parcela do Auxílio Emergencial pago… Leia mais

5 meses atrás

Aplicativo CAIXA Tem

Para acessar a funcionalidade do saque sem cartão, a CAIXA liberou uma nova versão do… Leia mais

5 meses atrás

Pagamento da 2ª Parcela do Auxílio Emergencial

A CAIXA divulgou o calendário de pagamento da 2ª parcela do Auxílio Emergencial, que terá… Leia mais

6 meses atrás

Pagamento da Segunda Parcela do Auxílio Emergencial

Quem está acompanhando o noticiário vêm diariamente, pessoas nas filas das agencias da Caixa Econômica… Leia mais

6 meses atrás

Auxílio Emergencial ainda em análise

Muitos trabalhadores estão preocupados com a situação pendente de análise das suas solicitações do Auxilio… Leia mais

5 meses atrás